Profissões Do Futuro: Quais Serão Os Empregos Em Alta Na Área Da Saúde

Quem está se preparando para entrar no mercado de trabalho fica sempre imaginando quais serão as profissões do futuro, afinal, ter esse tipo de informação antes de começar um curso ou até mesmo uma faculdade pode influenciar a escolha da carreira, não é mesmo?

Como as transformações acabam acontecendo conforme o tempo passa, é muito importante acompanhar essas oportunidades de mercado. Para quem deseja seguir na área da saúde ou até mesmo aqueles que já atuam nesse setor, isso não é diferente e seguir essas evoluções é fundamental para não ficar para trás.

“É importante que as pessoas compreendam que mudança nas carreiras é um fenômeno mundial e uma necessidade de sobrevivência profissional. Hoje e para o futuro (cada vez mais intensamente), será considerado a capacidade de o indivíduo se adaptar e aprender. Todo profissional precisa ter em mente o processo de aprendizagem contínua, o Lifelong learning, é necessário para que se possa desenvolver novas habilidades e competências. A mudança tecnológica exige conexões mais fortes e mais contínuas entre educação e emprego, e o investimento em aprendizado constante será imperativo”, destacou a professora Samantha Mazzero, do Programa de Estudos do Futuro da FIA (Profuturo - FIA).

Profissões do futuro na área da saúde

As profissões relacionadas à área da saúde estão entre as mais tradicionais. Com o passar dos anos, elas passam por um processo de evolução já que os avanços tecnológicos proporcionam ainda mais recursos com novas descobertas e tratamentos.

Segundo os especialistas nessas projeções, essa ideia de separação entre tecnologia e matérias tradicionais das ciências da saúde começa a ficar menos evidente.

A realidade do big data (administrar um mundo de dados), por exemplo, vai ajudar a processar informações sobre os pacientes. Muitos dados podem ser até conseguidos por meio de wearables conectados, dispositivos que esses pacientes vão vestir para fornecer informações sobre sua saúde.

A genética também deve trazer ainda mais possibilidades de trabalho, já que a manipulação do DNA para tratamentos será uma tendência. Além disso, o aumento da expectativa vai gerar novas oportunidades, tendo sempre em vista o bem-estar e o cuidado com a terceira idade. Por isso, profissões como cuidadores devem ficar em alta.

As áreas de Medicina diagnóstica/Imagem, tratamentos/cuidados profiláticos e genética são bastante promissoras. Em particular:

Bioinformacionista: cientistas que trabalharão com informação genética, servindo como uma ponte para cientistas que trabalham com o desenvolvimento de medicamentos e técnicas clínicas.

Técnico em Telemedicina: fará parte de uma equipe que oferecerá tratamento médico e diagnóstico para pessoas em áreas remotas.

Chief Health Officer: profissional responsável pelo estabelecimento de programas para cuidados com a saúde e reavaliação do sistema de seguros da companhia.

Conselheiro Genético: identificam e dão suporte para famílias que têm membros com desordens genéticas ou aquelas que podem ter o risco de uma variedade de condições predispostas.

Geomicrobiologistas: profissionais que unem geologia, ciências do meio ambiente e microbiologia para estudar como microorganismos podem ajudar a fazer novos medicamentos e diminuir a poluição.

Segundo o levantamento feito pelo Programa de Estudos do Futuro da FIA (Profuturo - FIA), as profissões do futuro que também podem se destacar nos próximos anos no mercado são:

Atendente virtual de pacientes

Conselheiro de tecnologia na área da saúde

Geneticista

Gestor de qualidade de vida

Técnico em TI hospitalar

Terapeuta de saúde mental

Engenheiro de wearables

Sobre a questão de as máquinas substituírem os homens, a professora Samantha lembra: “certamente substituirão de fato, especialmente em trabalhos rotineiros e com um padrão muito definido, ou seja, essencialmente repetitivo. Por outro lado, novas necessidades precisarão ser atendidas e novas posições serão criadas. Possivelmente, o ciclo de existência de algumas profissões será menor, e até mesmo as já existentes sofrerão alterações de perfil. Um fato a considerar é que nenhuma atividade de trabalho permanecerá sem mudanças por muito tempo”.

Cursos que podem preparar para as profissões do futuro na área de saúde

Se você é daqueles que pretende trabalhar em áreas da saúde e tem afinidade com elas, confira a seguir alguns cursos que podem ser interessantes para sua formação profissional nesse contexto de profissões do futuro na área da saúde:

Medicina

Enfermagem

Psicologia

Educação Física

Fisioterapia

Nutrição

Farmácia

Biomedicina

E você? Está se preparando para seguir uma profissão do futuro na área de saúde?



Fonte: https://querobolsa.com.br/revista/profissoes-do-futuro-na-area-da-saude


Comentários da notícia