Pescando Letras - divulga balanço de ações em 2013

26/03/2014 - Domingos Sávio - O programa Pescando letras, do Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) e que combate o analfabetismo e a baixa escolaridade no setor pesqueiro, divulgou na terça-feira (25) o balanço do último ano de atividades do programa. Segundo o órgão, em 2013, 10.799 trabalhadores da pesca e 6.554 pescadores artesanais, totalizando 17.353 pessoas, foram inseridos no “Pescando Letras”. Desse número, 13.118 alunos foram oriundos da região Nordeste. A proposta metodológica do Pescando Letras respeita a cultura, a experiência e a realidade dos pescadores. As turmas são formadas levando-se em conta a disponibilidade irregular de tempo dos trabalhadores pesqueiros e aproveita os períodos de "defeso", quando os trabalhadores da pesca ficam inativos por conta da época de reprodução das espécies, para a aplicação ou intensificação dos cursos. Durante os cursos, pescadores, moradores de comunidades pesqueiras e pequenos agricultores aprendem, além de conteúdos pedagógicos, técnicas de auxílio para uma melhor qualidade de vida. Ainda segundo o MPA, o Pescando Letras já formou, em dez anos de vida, 200 mil trabalhadores ligados ao setor pesqueiro. Cursos técnicos à distância Além do Pescando Letras, na área de educação de adultos, o Ministério da Pesca e Aquicultura divulgou que, em 2013, formou 488 técnicos em pesca e 483 técnicos em aquicultura, através de um projeto piloto que atende a todas as regiões do País. Os cursos foram realizados em 48 Telecentros da Pesca Maré, que se transformaram em polos de apoio presencial de ensino à distância para receber as aulas transmitidas via satélite, diretamente do estúdio do Instituto Federal do Paraná (IFPR). Os cursos possuem carga horária total de 2.400 horas. Esses cursos técnicos são o resultado do Acordo de Cooperação Técnica Nº 11/2009 celebrado entre a SEAP/PR e o Instituto Federal do Paraná (IFPR), para viabilizar cursos técnicos na modalidade PROEJA/EAD.
Fonte: Folha de Pernambuco - Recife/PE


Comentários da notícia