Veja 4 coisas que você deve ponderar antes de procurar um mentor

05/03/2014 - Encontrar um mentor que poderá realmente ajudar no desenvolvimento da carreira é importante para qualquer estagiário. Entenda Antes de procurar por um mentor, é importante que você visualize o seu futuro Se você perguntar para pessoas de sucesso o que as impulsionou para seguir o caminho certo na carreira, boa parte delas responderá que elas tiveram um bom mentor. Principalmente para os universitários, encontrar uma pessoa que possam ajudá-los a desenvolver a carreira e entrar no mercado de trabalho é muito importante. Porém, antes de tomar qualquer atitude, você deve se fazer 4 perguntas: 1 – O que é importante para mim em um profissional? Antes de procurar por um mentor, é importante que você visualize o seu futuro. Que profissional você quer ser daqui 10 anos? Pense quais características e habilidades são mais importantes para você e procure por pessoas que possuam esse perfil. O seu mentor deve parecer com o tipo de profissional que você deseja ser. 2 – Qual deve ser o caráter do meu mentor? Independentemente da área que você esteja estudando, o seu mentor deve ter convicções parecidas com as suas. Por isso, antes de escolher uma pessoa para ajudá-lo, olhe além do currículo – será que eu poderei trabalhar bem com esse profissional? Ele seria também um bom amigo? Se as respostas para essas perguntas for “não”, é melhor continuar procurando. 3 – Qual é o peso da honestidade? Se você deseja encontrar alguém que realmente irá ajudá-lo a desenvolver a carreira, é importante que honestidade seja uma característica essencial para você. Afinal, se os eu mentor não for sincero com você e seu trabalho, será difícil conhecer as suas falhas e poder trabalhar em cima delas. Por mais que a honestidade doa às vezes, não aceite um mentor que só passa a mão na sua cabeça. 4 – Devo sempre fazer tudo sozinho? A melhor resposta para essa pergunta é optar pelo meio-termo. O seu mentor não deve fazer absolutamente tudo para você, mas também é errado ele deixá-lo à deriva. Por isso, faça uma busca de outros jovens que também tenham sido orientados por essa pessoa e descubra com que estilo o mentor trabalha.
Fonte: Universia Brasil


Comentários da notícia